Gastrite

É uma inflamação no estômago percebida como uma queimação no alto do abdome.

Causas físicas:

  • Má alimentação;

  • Ingestão de bebidas alcoólicas;

  • Tabagismo;

  • Refrigerantes;

  • Ingestão excessiva de cafeína (café e alguns tipos de chás);

  • Infecção pela bactéria Helicobacter pylori;

  • Hábitos alimentares ruins:

    • Mastigar pouco os alimentos;​

    • Beber líquidos nas refeições;

    • Ingestão de comidas pesadas após as 19 hrs;

  • Alguns remédios (ex: ácido acetilsalicílico, a maioria dos anti-inflamatórios);

Sintomas

  • Dor de barriga;

  • Azia;

  • Sensação de queimação no estômago;

  • Enjoo;

  • Falta de apetite;

  • Perda de peso.


Fatores de risco
– Predisposição genética

Causas emocionais:

  • Ansiedade;

  • Nervosismo e irritação frequentemente. São alterações no organismo acompanhadas de uma intensa atividade mental que normalmente resultam em um alto nível de estresse;

  • Raiva;

  • Preocupações excessivas ou sofre por antecipação;

  • Contrariedade.

As causas emocionais são percebida em nosso corpo como:

  • Dor ou aperto no peito e aumento das batidas do coração;

  • Respiração ofegante ou falta de ar;

  • Aumento do suor;

  • Tremores nas mãos ou outras partes do corpo;

  • Sensação de fraqueza ou fadiga;

  • Boca seca;

  • Gosto amargo;

  • Azia;

  • Mãos e pés frios ou suados;

  • Náusea;

  • Perda de energia.

Comportamental associado:

Normalmente associado a uma dificuldade de lidar com aborrecimentos decorrentes de uma situação ou pessoa. Dependendo do temperamento, alguns engolem a situação de forma passiva ("engolindo sapos") ou demonstra atitudes agressivas intensa, agindo de forma intempestiva. Abas as situações causam um aumento na secreção do sulco gástrico,  mas engolir passivamente uma situação costuma ser mais prejudicial. Seu inconsciente interpreta esta situação como uma falta de respeito a sua própria pessoa.

No caso de males estomacais devemos nos fazer as seguintes perguntas:

  • O que não posso ou não quero engolir?

  • Algo está me moendo por dentro?

  • Como lido com meus sentimentos?

  • O que me deixa tão azedo?

  • Como expresso a minha agressividade?

  • Como fujo dos conflitos?

  • O que esta me preocupando?

  • Estou focado nos problemas?

  • Estou me sentindo frustrado?

  • Estou sendo contrariado?

  • Você tem se recusado a aceitar situações?

Vamos ver como a Reflexologia podal aborda a gastrite!

A gastrite pode ser detectada pela presença de uma parte endurecida ou sensível da pele na zona reflexa correspondente ao estômago (ver círculos em vermelho).

 

Para nenhuma patologia, uma terapêutica padrão é suficiente. Pelos pés iremos buscar sinalizações que mostrem a raiz do problema. 

Estas informações serão a base para a construção de uma terapêutica eficiente.

No entanto, para efeito ilustrativo, falarei sobre uma terapêutica básica para tratamento de gastrite. Pontos básicos a serem estimulados:

Se existir refluxo refluxo, acrescente estímulos na área reflexa da Cárdia.

Se for acompanhado de indigestão, acrescente estímulos na áreas reflexas dos intestinos do pâncreas e diafragma.

Se existir indicativos de comprometimento do duodeno, deverão ser acrescentados estímulos nas regiões reflexas do duodeno e pâncreas.

Não é recomendável o tratamento com a reflexologia quando for diagnosticado sangramentos em qualquer parte do aparelho digestório (exceto hemorroidas). A Reflexologia estimula a circulação sanguínea e pode agravar o quadro. É recomendável o tratamento médico prévio da hemorragia para inciar o tratamento.

Trabalho acadêmico:

1) O USO DA REFLEXOLOGIA NO TRATAMENTO DA GASTRITE

Autores: Elizangela Beatriz ROSSI; Thaís Helena BORTOLUCCI; Daisy Cristina Borges da HORA

Revista Científica da FHO|UNIARARAS v. 4, n. 1/2016  

Saúde é Consciência

Ter saúde é uma questão de consciência. A doença é acima de tudo um desequilíbrio, e quando nos conhecemos e nos harmonizamos física, emocionalmente e mentalmente, estamos criando uma barreira protetora. Este equilíbrio se traduz em homeostase fisiológica com nosso sistema imunológico restabelecido.

informação é a força mais influente no universo. "Jacob Bekenstein"

Apoio

Azul esboçado TV